Apresentação do EDP – X Campeonato de Portugal de Juvenis 2015 aos órgãos de comunicação social locais

Decorreu esta manhã de segunda-feira, dia 23, a apresentação do EDP – X Campeonato de Portugal de Juvenis aos órgãos de comunicação social locais.

Conf Imprensa cpj 23 03 2015
Na foto, da esquerda para a direita: José Decq Mota, Presidente do CNH; José Leonardo, Presidente da Câmara Municipal da Horta; Hugo Pacheco, Secretário da Associação Regional de Vela dos Açores (ARVA); Pedro Rodrigues, Diretor Técnico da Federação Portuguesa de Vela e do Campeonato Nacional

Fotografia de: Ana Borba

 

Hugo Pacheco, da Associação Regional de Vela dos Açores (ARVA) deu início à conferência com as razões que levaram à organização desta importante prova nacional na cidade da Horta. As duas razões fundem-se no espaço e no tempo, pois se por um lado a baía da Horta, pertencente ao Clube das Mais Belas Baías do Mundo, fornece um pano de fundo magnífico e acolhedor aos velejadores; por outro, a sua história também lhe confere uma mística de “lobos-do-mar” e iatistas que chegam e partem para todos os cantos do mundo.

De seguida, tomou a palavra o Presidente do Clube Naval da Horta, José Decq Mota. Do ponto de vista do CNH, a associação a um evento nacional faz sentido, sendo “importantíssima a ligação do plano desportivo entre a realidade regional e a realidade nacional”. Por outro lado, José Decq Mota tem a “consciência que a cidade da Horta tem capacidade para dar resposta a um evento desta natureza”.

O Presidente do CNH fez também questão de evidenciar a permanente parceria, fluída e sem burocracias, que tem existido entre o Clube e a Câmara Municipal da Horta, pelos “múltiplos apoios que tem concedido a este evento”.

Decq Mota relembrou também a importância especial do evento, “devido ao escalão etário juvenil, que mobiliza na ilha cerca de 120 jovens entre os 12 e os 15 anos, treinadores e família”; mas devido também “ao facto de ter sido organizado nesta quadra do ano, nas férias escolares da Páscoa, numa altura em que começa a crescer o movimento do porto de mar”.

O Presidente do CNH espera agora que “o tempo esteja bom para que o campeonato se desenvolva e corresponda ao esforço organizativo”. “O CNH tem já experiência nestes eventos, “consegue responder aos desafios, organizar-se e corresponder no momento em que é preciso executar”, por uma razão essencial: a dedicação dos funcionários e dos diretores do clube, mas principalmente, a dedicação dos muitos voluntários, alguns trabalhadores da função pública, que veem a sua participação facilitada por uma legislação regional propícia”.

“A existência desta legislação, mas primariamente, a disponibilidade das dezenas de pessoas, é essencial para o sucesso deste EDP – X Campeonato de Portugal de Juvenis”. Da parte do CNH, tudo o que estiver ao alcance será feito para que estes dias na Horta corram pelo melhor.

Tiveram ainda palavra o Diretor Técnico da Federação Portuguesa de Vela, Pedro Rodrigues, e o Presidente da Câmara Municipal da Horta, José Leonardo. 

                  arc_logo