Alexandre Madruga participou na 1ª Edição do Mirpuri Foundation Sailing Trophy

Alexandre Madruga, velejador do Clube Naval da Horta, participou nos dias 26 e 27 de junho de 2020 na 1a edição do Mirpuri Foundation Sailing Trophy.

O evento, organizado pela Mirpuri Foundation com o apoio do Clube Naval de Cascais consistiu em duas regatas costeiras com mais de 50 milhas náuticas, com percurso Cascais - Sesimbra - Cascais.

Nesta prova que marcou o regresso da vela internacional a Portugal após a suspensão das competições, houve pela primeira vez na vela em Portugal controlo médico para o staff e atletas em prova, em que todos tinham que realizar testes ao COVID-19. Participaram mais de 50 embarcações, nomeadamente, dois "VOR65" que irão participar na próxima edição da The Ocean Race e estiveram presentes os melhores velejadores do mundo, como foi o caso do vencedor da última edição da Volvo Ocean Race, Charles Caudrelier.

No primeiro dia regatas a largada deu-se na baía de Cascais com vento a rondar os 10/15 nós, à popa, em que o “Syone” de Nuno Neves, equipa de Alexandre Madruga, demorou cerca de 4h20 no percurso Cascais - Sesimbra.

No domingo, com largada na baía de Sesimbra, o vento subiu para os 20/25 nós e, à bolina, o Syone fez o percurso da segunda regata, Sesimbra - Cascais, em cerca de 5h15.

No final, Alexandre Madruga conta-nos que “tivemos uma prestação positiva tendo em conta o tempo em que a equipa esteve parada e também pelo facto do nosso barco não ser o ideal para este tipo de regatas, mas que no fim foi um bom teste físico e mental para todos os atletas em competição, visto que este foi o primeiro evento oficial da modalidade após quase quatro meses de isolamento social devido à pandemia COVID-19".

O Syone terminou na segunda posição em ORC B, classe em que o Elixir/D-Loft, de Luís Raposo Veríssimo foi o vencedor. Bamak, de Rodrigo Vargas-Zuñiga, ficou na terceira posição.

mirpuri foundation sailing trophy 15 2020

Em ORC A triunfou o Rational - German Kitchens, de Miguel Bunte Graça, seguido do Super Açor Xis, de Gonçalo Vaz Botelho e na terceira posição o Pede Mar, de Rui Rijo Ferreira.

Na classificação geral, o VOR65 português, Racing For The Planet, confirmou o favoritismo e venceu a 1a edição do Mirpuri Foundation Sailing Trophy.

mirpuri foundation sailing trophy 8 2020