CNH associou-se às comemorações do 24º Aniversário da APADIF com a realização de uma Regata de Vela Ligeira

Na Classe Hansa 303, a dupla vencedora foi Carlos Cardoso/Luís Paulo Moniz

“Embora hoje (dia 10) tenha estado mais vento do que ontem, a verdade é que os velejadores da Classe Hansa realizaram 3 regatas dentro da Baía e correu tudo bem”. Palavras do Treinador da Classe Hansa do Clube Naval da Horta (CNH), João Duarte, a propósito da Regata Comemorativa do 24º Aniversário da Associação de Pais e Amigos dos Deficientes da Ilha do Faial (APADIF) – celebrado no dia 10 de Novembro último – que decorreu na manhã deste domingo, dia 10, na Baía da Horta.

“Este foi um fim-de-semana muito preenchido com a Regata de Natal deste sábado (dia 9) e da Regata evocativa dos 24 Anos da APADIF, realizada este domingo (dia 10).

Com estas duas Provas, que se saldam por um balanço muito positivo, encerramos as Regatas por este ano”, sublinha João Duarte.

Instado a pronunciar-se sobre a importância deste evento no âmbito do trabalho da Associação aniversariante, este Técnico refere que “em todos os aniversários da APADIF é realizada uma Regata de Vela Ligeira precisamente com o intuito de reforçar a tónica da igualdade e da inclusão. A participação dos velejadores da Classe Hansa do Clube Naval da Horta na Regata de Vela Ligeira, realizada anualmente, demonstra que a inclusão é possível.

De realçar que o CNH é o único nos Açores que mantém a Classe Hansa com actividade regular, além de ter sido pioneiro na vertente da Vela Inclusiva, com resultados sempre crescentes.

A Associação de Pais e Amigos dos Deficientes da Ilha do Faial quer estar cada vez mais próximo da comunidade e é com parcerias como esta, que existe desde longa data com o CNH, que se estreitam laços e se dá a conhecer a deficiência, para que todas as pessoas a possam aceitar como normal. É preciso ter sonhos e realizações para chegar ao âmago da sociedade faialense, na qual existimos todos como cidadãos com direitos e deveres.

É uma luta constante trabalhar para a concretização dos direitos das pessoas com deficiência, objectivo número um da Associação de Pais e Amigos dos Deficientes da Ilha do Faial”.

Recorde-se que inicialmente esta Prova estava calendarizada para o dia 11 do mês transacto, mas por questões de agenda foi adiada para o dia 2 do corrente. No entanto, as desfavoráveis condições atmosféricas registadas nesse sábado fizeram com que a mesma tenha sido adiada para este domingo, dia 10.

Nesta Prova – organizada conjuntamente pelo Clube Naval da Horta e pela APADIF –  parceiros nesta e noutras actividades – participaram velejadores do CNH e um do Clube Naval da Madalena (CNM) do Pico, embora os Clubes Navais de São Roque e das Lajes também tenham sido convidados.

rgt 24 aniv apadif 2 2017

Libério Santos foi o campeão na Classe Hansa 2.3

Duarte Araújo, Treinador de Competição da Vela Ligeira do CNH, refere que “apesar do vento muito forte – que foi sempre subindo – foi possível realizar uma regata”.

A Entrega de Prémios aconteceu no decorrer do almoço oferecido pela APADIF, que teve como espaço o Pavilhão Náutico do CNH. Na Cerimónia estiveram presentes o Presidente da Direcção da Associação de Pais e Amigos dos Deficientes da Ilha do Faial, José Fialho; o Técnico Terapeuta desta Associação, Nilzo Fialho; o Presidente da Direcção do CNH, José Decq Mota; a Vice-Presidente do CNH e Directora da Secção de Vela Ligeira do CNH, Olga Marques; o Vice-Presidente da Associação Regional de Vela dos Açores (ARVA), António Pedro Oliveira, tendo o  Capitão do Porto da Horta se feito representar.

rgt 24 aniv apadif 3 2017

Maísa Silva e Leonor Porteiro ficaram no 1º e 3º lugares do pódio, respectivamente, na Classe Optimist

Classificações

Classe Hansa 2.3:

- Libério Santos

2º - Rui Dowling

Classe 303

1º - Carlos Cardoso/Luís Paulo Moniz

2º - Paulo Costa/Jorge Costa

Classe Optimist:

1ª - Maísa Silva

2ª - Ana Luísa Silva

3ª - Leonor Porteiro

Classe Laser:

- Alexandre Madruga (Clube Naval da Madalena)

- Jorge Pires

3º - Tomás Pó

rgt 24 aniv apadif entrega premios 2 2017

Esta Regata foi a prova de que a Inclusão pode e deve ser uma realidade 

rgt 24 aniv apadif entrega premios 5 2017

O CNH foi o pioneiro nos Açores no que toca à Vela Inclusiva (Classe Hansa)

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.